0

LÍDER MENTOR (UMA AUTOAVALIAÇÃO)

Download PDF

Líder e Mentor são conceitos indissociáveis. Está na essência da liderança a “mentoria”. Um líder de fato tem que ser educador e, como tal,deve ser mentor de seus liderados.

O líder como mentor estimula o aprendizado, provoca, abre espaços para o desenvolvimento do potencial do liderado. Utiliza-se de seus conhecimentos e experiências para inspirar o liderado a encontrar melhores soluções para o desenvolvimento das atividades. Normalmente é visto como “guia”, conselheiro, e ,muitas vezes,tratado como “mestre”. O líder mentor é essencialmente contestador, questiona “verdades absolutas”, “conceitos consagrados”, para que os liderados saiam da “zona de conforto” e busquem “novas versões” fora dos paradigmas e dos postulados “aceitos sem demonstração” (aqueles que provocam as expressões : “sempre foi assim”, “mudar pra quê?” ).

De uma outra forma: só se pode considerar líder aquele que é reconhecido pelos liderados pelo aprendizado que ele gera. Examinando ex-chefes em toda minha carreira , só alguns considero que foram líderes na acepção do termo: aqueles com quem aprendi e me desenvolvi profissionalmente.Os outros foram simplesmente chefes, aos quais devia subordinação hierárquica. Os líderes me fizeram estudar mais, buscar cursos de pós-graduação, participar de congressos e seminários, viajar para conhecer realidades de outros países etc etc. Lógico que ,com isso,também pude contribuir melhor para as organizações onde trabalhei.

Os líderes mentores tiveram papel relevante em meu crescimento profissional, porque também perceberam o meu potencial. Coube a mim aproveitar as oportunidades criadas.

Hoje vejo vários dos meus ex-liderados ocupando importantes postos em grandes empresas.Tenho clara percepção de que o mérito “quase” total foi deles. Tinham potencial, desenvolveram; tiveram a motivação necessária para agarrarem as oportunidades criadas. Potencial + Motivação + Oportunidade= Sucesso.

A mim , como líder mentor, ficou uma pequena parcela no mérito : identificação dos potenciais e abertura de alguns espaços para o crescimento profissional. Potencial é de cada um, com conhecimentos e habilidades adquiridas; Motivação vem de dentro da pessoa: é o conjunto de atitudes que a faz mover em alguma direção.

Sobram-me a satisfação em ver tantos liderados tendo sucesso e uma certa frustração em relação aos que ficaram pelo caminho. E uma convicção: trabalhei sempre para ser um líder mentor.

 

Download PDF

Milton Pereira

Há mais de 30 anos como executivo de grandes empresas, hoje atua como Consultor em Liderança, Comunicação e Educação Corporativa.